...........................
............................
....................
widget

domingo, 27 de julho de 2014

FBI libera documento com evidências que fortalecem teoria sobre fuga de Hitler para a Argentina


Apesar de a historiografia oferecer fartas evidências de que Hitler e sua esposa Eva Braun cometeram suicídio em seu bunker no dia 30 de abril de 1945, em Berlim, uma lacuna nos momentos finais desta trama alimenta teorias até os dias atuais: o que teria acontecido com o corpo do casal, ou, mais exatamente, com os restos do Führer? Muitos acreditam que Hitler teria escapado à invasão soviética em Berlim e vivido o resto de sua vida em países da América do Sul, como Argentina, Paraguai e até o Brasil - que também foi estadia do nazista Josef Mengele, também conhecido como Anjo da Morte.


Recentemente, a teoria de que Hitler teria fugido foi reforçada com a livro de um ex-agente secreto da KGB, a agência de inteligência soviética. De acordo com o portal World News Report, o russo Dimitri Boryslev descreve como Hitler escapou em um submarino, junto com um grupo de oficiais nazistas do alto escalão, que foram deixados em vários pontos do continente sul-americano. A versão pode estar relacionada à aparição recente de arquivos secretos liberados pelo FBI (baixe aqui os arquivos do FBI e confira você mesmo), que indicam uma possível fuga de Hitler para a Argentina, Paraguai ou Brasil. Segundo o autor, o fato de que o cadáver do ditador nunca foi encontrado é sabido há décadas na Rússia, ainda que não de forma massiva. O próprio Stalin estava convencido de que Hitler havia escapado. Ele suspeitava de um pacto entre o tirano alemão e as potências ocidentais, que teriam poupado sua vida em troca de conhecimentos de tecnologia bélica.

Veja abaixo a primeira página do documento e clique aqui para baixar o documento original digitalizado.


Hitler no Brasil


No começo deste ano, o livro Hitler no Brasil – Sua Vida e Sua Morte, da autora brasileira Simoni Renée Guerreiro Dias, causou controvérsias ao afirmar que Hitler teria morrido com, aproximadamente, 95 anos na pequena cidade de Nossa Senhora do Livramento, a 42 quilômetros de Cuiabá. A pesquisadora espera realizar um exame de DNA em Israel com um suposto descendente do nazista. Ela suspeita que Adolf Leipzig, um senhor que era conhecido em Nossa Senhora do Livramento como "Alemão Velho", poderia ser Hitler. O líder nazista, inclusive, teria um relacionamento com uma mulher negra na cidade para não levantar suspeitas, de acordo com a autora. Apesar de o rigor científico da pesquisa de Simoni ter sido contestado por alguns estudiosos, não há de se negar que novas teorias surgirão diante do fato de que nunca foram fornecidas provas evidentes que pudessem esclarecer qual foi, afinal, o destino dos restos mortais de Hitler.

Carro do Google Street View teria fotografado fantasma nos EUA



Prisões, hospitais, hospícios e outros locais do tipo são famosos por supostamente servirem de lar para criaturas sobrenaturais, como fantasmas e outros tipos de assombração. A novidade nesse assunto é que o espírito de uma mulher misteriosa teria sido capturado em foto por um carro do Google Street View em uma cidade interiorana dos EUA, nos arredores de uma prisão construída em 1886.

CASA na verdade faz parte do complexo prisional e serviu de lar para famílias de construtores que moraram nos arredores até o fim das obras. Depois disso, as casas serviram de lar para agentes penitenciários e, agora, estão praticamente todas desocupadas.

A prisão em questão se chama Ohio State Reformatory e parou de receber detentos em 1990. Vazia, a penitenciária está sendo preservada como patrimônio histórico e há dezenas de relatos de encontros com fantasmas no local e nas casas da redondeza. Há inclusive caçadores de fantasmas investigando o local.

O carro da Google passou na Annadale Avenue em junho de 2012, local do flagra, mas só agora a imagem assustadora foi percebida por curiosos da cidade de Mansfield, Ohaio, nos EUA.

Você pode ver a imagem no Google Street View através deste link, mas não podemos garantir que o que você verá é realmente um fantasma. Mas considerando que se trata de uma casa abandonada há anos, é bem curioso ver uma forma como essa na janela.

Cientistas afirmam saber a origem do buraco misterioso na Sibéria


Há alguns dias, uma equipe de cientistas do Instituto da Criosfera da Academia de Ciências da Rússia e do Centro de Investigações do Ártico realizou uma mobilização até um misterioso buraco siberiano descoberto recentemente. O objetivo foi tirar as primeiras conclusões sobre sua origem.

A principal hipótese é de que o enorme fosso surgiu como consequência de um acúmulo de gás de xisto embaixo da terra. Em primeira instância, mediante um estudo de radiação, os pesquisadores descartaram a presença de qualquer radiação perigosa na área.

Por esse mesmo motivo, entre outros, os cientistas consideram pouco provável que tenha havido uma explosão nuclear derivada da queda de um meteorito. Cabe destacar que ao redor da cratera não foi encontrado nenhum rastro de carbonização por exposição a altas temperaturas.

Ao explorar as proximidades, foi possível descobrir que os pedaços de terra que foram expulsos durante o fenômeno se encontram a aproximadamente 120 metros das bordas do fosso.

Assim, tecnicamente, os cientistas descrevem a origem do buraco siberiano como o resultado de um acúmulo de gás de xisto embaixo da terra, que chegou a superar a pressão que continha, produzindo uma enorme explosão, sem aparição de fogo. É um fenômeno muito similar às explosões que acontecem nos campos de petróleo do mundo todo.

Conheça Garbo, o famoso espião da Segunda Guerra que chegou a ser condecorado por Hitler


O estouro das grandes guerras na primeira metade do século XX gerou a proliferação de profissões incomuns, algumas até mesmo insólitas. Uma delas foi a figura do espião, encarregado de embrenhar-se entre as mais altas patentes dos exércitos e hierarquias dos governos e tentar obter informações confidenciais, que, em seguida, eram passadas ao inimigo. Um dos espiões mais renomados de todos os tempos foi o catalão conhecido como Garbo.

Garbo nasceu no dia 14 de fevereiro de 1912 em Barcelona, sob o nome de Juan Pujol Garcia. No início da Segunda Guerra, o feroz antifascista e anticomunista decidiu envolver-se no conflito utilizando sua capacidade intelectual e criatividade. Para isso, dirigiu-se à embaixada britânica em Madrid e ofereceu seus serviços como espião. Diante do desinteresse britânico, aproximou-se do serviço de inteligência alemão, disfarçado de funcionário do governo espanhol e simpatizante nazista. O governo nazista o empregou e o treinou intensivamente na carreira que o tornaria famoso: a espionagem.

Quando os ingleses descobriram que Pujol trabalhava para a Alemanha nazista, decidiram utilizá-lo na tarefa de contraespionagem. Começava assim a história de Garbo, que, em 1944, já havia criado uma rede fictícia com 27 subagentes inventados. E, através deles, transmitiu ao serviço de inteligência alemão informação suficiente PARA GANHAR a confiança do governo nazista.

Em janeiro deste mesmo ano, os alemães descobrem sobre o massivo ataque aliado em território europeu e utilizam novamente a ajuda de Garbo para se manter informados. O espião conseguiu convencê-los que o verdadeiro ponto da invasão era o Paso de Calais, local muito mais ao norte que a Normandia, o verdadeiro destino.

Sua identidade foi tão bem preservada que Garbo, meses depois, foi agraciado com a Cruz de Ferro pelo próprio Hitler. Naturalmente, recebeu homenagem equivalente também do governo britânico.

Sua morte foi anunciada em 1949. No entanto, Pujol ressurgiu em 1984, em meio às comemorações do 40° aniversário do Dia D, pelas mãos do jornalista Nigel West, que encontrou seu rastro e contou sua história.

Garbo morreu na verdade em 1988 em Caracas, na Venezuela, onde viveu depois da guerra. 

Prefeito Roberto Asfora reforma e mobilha casa de apoio aos brejenses no Recife

Os brejenses que precisam de tratamento médico no Recife estão recebendo todo apoio necessário da prefeitura do Brejo da Madre de Deus.  Na capital pernambucana, o prefeito Roberto Asfora alugou, reformou e mobilhou uma CASA espaçosa, e deixou o local bastante agradável para dar mais conforto aos pacientes e acompanhantes que necessitam de acolhimento.

Em média 30 pessoas passam por dia pela CASA de apoio aos doentes que dispõe quartos com beliches e ar condicionados, sala com TV, sofá e ventilador, cozinha com geladeiras, mesa, fogão, forno micro-ondas e vários eletrodomésticos.

As pessoas que precisam da casa de apoio elogiam toda estrutura e se dizem satisfeitos com o apoio do prefeito.

“É muito importante ter esse apoio da prefeitura aqui no Recife. O tratamento é muito bom, a alimentação é excelente. Não tem coisa melhor, é muito bom mesmo”, disse José Fernandes Dantas, 50 anos, agricultor residente no sítio Caldeirão.

“Foi muito boa essa iniciativa do prefeito Roberto Asfora, estamos gostando de tudo. Para nós que não temos condições financeiras, se fossemos pagar por alimentação e transporte, comprometeria nossa renda familiar. Essa casa de apoio é muito importante para todos que precisam de apoio aqui no Recife”, falou Tereza Malaquias Vila Nova, 44 anos, agricultora moradora do distrito São Domingos.

O prefeito Roberto Asfora destacou que importância do cidadão brejense ter esse apoio no Recife com excelente estrutura próximo aos hospitais.

“Os pacientes que precisam de tratamento no Recife enfrentam uma longa viajem, às vezes, passam o dia todo e alguns precisam pernoitar. Por isso procurei o lugar mais perto possível dos hospitais e também do Instituto Materno Infantil de Pernambuco (IMIP)”, falou o prefeito.

“Reformamos e mobilhamos a casa de apoio com tudo de melhor, inclusive, com ar condicionado nos quartos para que o nosso povo tenha mais conforto. Colocamos a disposição uma pessoa para cuidar da limpeza e da alimentação. É um local muito aconchegante, nessa casa, o cidadão pode tomar banho, dormir e fazer suas refeições. Servimos todos os dias café, almoço, janta e também o lanche” concluiu o prefeito.










sexta-feira, 25 de julho de 2014

Loteamento Acauã recebe saneamento básico


O insuportável problema de esgoto a céu aberto foi solucionado no Loteamento 
Acauã em Brejo da Madre de Deus.

A secretaria de Obras e Urbanismo realizou a obra que vai proporcionar dias
 melhores para todos.

É com trabalho “Forte e Unido” que a prefeitura do Brejo da Madre de Deus vem 
melhorando a vida dos brejenses. O prefeito Roberto Asfora vem se esforçando 
para atender a solicitações e melhorar a vida da população.

“Esse é verdadeiramente um governo para todos. Nossas ações mostram o nosso comprometimento com o povo, seja na cidade, distritos, sítios e vilas”, falou o prefeito.


Celpe e prefeitura fazem mutirão para melhorar iluminação pública em São Domingos e Fazenda Nova


Como a iluminação pública estava precária nos distritos São Domingos e 
Fazenda Nova, o prefeito Roberto Asfora solicitou um levantamento com a numeração
 de cada poste que precisava de manutenção, acionou a Companhia Energética de
 Pernambuco (Celpe), e teve o pedido atendido.

Em parceria com a prefeitura do Brejo da Madre de Deus nesta semana a Celpe 
realizou a substituição das lâmpadas queimadas por novas.

Foram disponibilizadas quatro viaturas com funcionários equipados, o trabalho 
aconteceu durante a noite.

Em breve o mutirão será realizado também em Brejo Sede.